A ameaça do susuk

Fui alertado por uma jornalista indonésia sobre um dos perigos que ameaçam os estrangeiros em Jacarta: a diabólica prática do susuk, adotada por numerosas ayam (“galinha”, prostituta, na gíria local) para atrair gringos desavisados.

Engana-se quem pensa que a mandinga destina-se a aumentar os lucros das profissionais, explica minha informante. “Elas querem é engravidar de um bule (branco). Filho ou neto de indonésio com bule se dá bem, acaba virando celebridade”, afirma, lembrando que o gosto local pela mistura já impulsionou as carreiras de dezenas de jogadores de futebol e cantores populares mestiços no país.

Mas o que é o susuk, afinal? “As meninas botam uma pepita de ouro puro na testa e recitam as palavras do ritual. A pepita entra na pele e fica lá, escondida, e elas passam a ser irresistíveis para os homens”, conta, séria. “Com diamante também funciona.”

E existe um jeito de escapar da armadilha? Sim. Basta oferecer à moça um satay ayam (semelhante ao churrasquinho de gato, feito, aqui, com galinha e molho de amendoim). Se ela segurar o espeto na horizontal, morder um naco de carne e puxar com os dentes, quebra-se o feitiço: a pedrinha de ouro ou diamante vem à tona e a menina perde a graça.

Há um antídoto ainda mais eficaz: dar uma banana à garota, literalmente. Comeu banana, já era. “Todo mundo sabe disso em Jacarta. Banana acaba com a magia do susuk“, assegura a jornalista.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para A ameaça do susuk

  1. Juliana Benedetti disse:

    Adorei, Fabiano! É chato viver em um mundo desencantado, né?

  2. Marília disse:

    Muito bom.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s